ACESSIBILIDADE

Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente promove roda de conversa com representantes da Prefeitura

Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente promove roda de conversa com representantes da Prefeitura

A coordenação da Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente de Caçapava realizou na manhã desta quinta-feira (7) uma roda de conversa com gestores da Prefeitura para apresentar as ações desenvolvidas pela rede. Participaram representantes das secretarias de Administração; de Cidadania e Assistência Social; de Defesa e Mobilidade Urbana; de Educação; de Esportes; e de Saúde. O encontro foi promovido em parceria com a Secretaria de Cidadania e Assistência Social.

A Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente de Caçapava, criada por meio da Lei Municipal 5460/2016, é o conjunto organizado e articulado de órgãos e instituições governamentais e não governamentais que desenvolvem ações para garantir a proteção integral às crianças e aos adolescentes.

De acordo com a lei, a Coordenação Municipal da Rede de Proteção de Caçapava é composta por representantes de 16 órgãos e instituições: Companhia de Polícia Militar de Caçapava; Conselho Municipal de Assistência Social; Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente; Conselho Municipal de Educação; Conselho Municipal de Saúde; Conselho Tutelar; Delegacia de Polícia Civil de Caçapava; Diretoria Regional de Ensino de Taubaté; Guarda Civil Municipal de Caçapava; Ordem dos Advogados do Brasil; Promotoria da Infância e Juventude de Caçapava; Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social; Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer; Secretaria Municipal de Educação; Secretaria Municipal de Saúde; e Vara da Infância e Juventude de Caçapava.

Durante o encontro, a Coordenação apresentou o processo de formação da rede e as principais ações realizadas até agora.

Os membros da coordenação atuam em ações de sistematização do protocolo criado para organizar, articular e integrar os serviços de proteção, defesa e garantia dos direitos das crianças e adolescentes em forma de rede, organizando os serviços e equipes de referência para agilizar e otimizar as ações em prol da infância e juventude.